Está a cometer estes erros nas redes sociais?

January 25, 2019

 

As redes sociais são uma mais-valia na estratégia de comunicação das marcas. No entanto, ao usar de forma errada estes meios digitais, pode provocar exatamente o efeito oposto daquele que deseja: prejudicar o seu negócio.

 

Para evitar que isso aconteça, e que afete de forma drástica e desnecessária os resultados da sua empresa, decidi listar alguns dos erros que mais vejo nas redes sociais para que entenda como os pode colmatar.

Sem mais delongas, apresento 8 erros que não deve cometer nas redes sociais.

 

Não ter nenhuma estratégia de redes sociais

 

Embora esteja a desparecer, ainda existe uma ideia generalizada de que as redes sociais são uma área experimental onde se “vai fazendo umas coisas”. Como tal, muitas empresas não apostam no planeamento e vão publicando de forma aleatória e sem qualquer estratégia. Como seria expectável, os resultados não são os esperados e às vezes acabam por não surtir qualquer efeito. Quando falo em planeamento, destaco a comunicação segmentada de acordo com cada rede, sendo que todas elas devem trabalhar para o mesmo objetivo. Como provavelmente já sabe, cada plataforma possui uma dinâmica muito própria, facto que justifica diferentes atuações.

 

Criar contas de forma indiscriminada

Infelizmente, constatei de vez em quando que há negócios a criar contas em tudo o que é rede social e de uma só vez. Mesmo que ainda não estejam preparados para atuar de forma significativa em tais plataformas, os negócios criam um canal e a partir desse momento não conseguem aplicar uma estratégia regular. Num momento estão a usar o Facebook, o Twitter, o Instagram e o Pinterest e no momento seguinte já perderam o fio à meada. Para quem está de fora, isto só demonstra que a marca está desorganizada. O nosso conselho? Mantenha o foco e faça uma estratégia adequada aos recursos da empresa. À medida que o sucesso for crescendo, vai alargando a marca a outras redes, sem perder qualidade.

 

Pagar falsos seguidores

Sim, tudo o que as empresas querem é conseguir milhões de seguidores, gostos e fãs. Não há dúvida de que é uma excelente forma de alavancar um negócio e de o marcar como importante em determinado nicho de mercado… Mas nada disto vai acontecer se comprar listas de seguidores. Recentemente, o Instagram apagou milhares de contas de utilizadores para prevenir que outros paguem para comprar listas de utilizadores. O resultado? De um dia para o outro, inúmeras celebridades e marcas de sucesso perderam centenas de seguidores que, na verdade, eram utilizadores fantasma.

 

SAIBA MAIS PublicidadeMarketing

 

#LendoRepassando  Elisabete Ramiro

Please reload

Direitos Reservados

Guia Indicador - Dez Anos