Existe algo que os donos possam fazer para ajudar a prevenir o câncer em seus pets?


Foto: Shutterstock A prevenção contra o câncer inclui, entre outros fatores, atividade física regular e alimentação saudável.


As principais pesquisas sobre o câncer estimam que 25% dos cachorros desenvolverão algum tipo da doença ao longo da vida. O câncer pode se tornar um problema de saúde muito debilitante e é um risco real à vida dos cãezinhos. O número alarmante de casos reforça ainda mais a importância de ajudar seu cão a se prevenir.


Apesar de ainda haver um longo caminho até que os cientistas sejam capazes de entender completamente o câncer, tanto em humanos quanto em animais, existem algumas atitudes no dia a dia que funcionam como formas de prevenção contra a doença. A castração e a esterilização são recomendações dos veterinários, pois muitos donos não conseguirão garantir que os filhotes recebam o tratamento e a prevenção adequados.


Atividade física para toda a vida

Sabe aquela corrida no final da tarde ou aquela brincadeira de pegar objetos no parque durante o fim de semana? Transforme-as em práticas regulares, já que a atividade física também é um fator que auxilia na prevenção contra o câncer. O sedentarismo é um problema sério na vida dos cachorros, já que, além do câncer, eleva o risco de problemas cardíacos e diabetes.


Ambientes seguros


Os cães são diariamente expostos a ambientes com substâncias cancerígenas, aumentando os riscos do desenvolvimento da doença. Alguns deles são fáceis de identificar, mas outros, nem tanto. O importante é fazer sua parte e evitar levar seu cachorro a locais com muita poluição ambiental, como fumaça de carros e cigarros, além de áreas que receberam inseticidas, pesticidas e herbicidas. Fique atento também para ambientes com produtos de limpeza, que podem também causar intoxicação e problemas de pele.

Leitura: MSN /Cães


#cuidados

Direitos Reservados

Guia Indicador - Dez Anos